Reciclar papel é importante para salvar nossas florestas, e muito mais…

Quando falamos em reciclagem de papel, a primeira coisa que vem à mente é a proteção das nossas árvores, já que a celulose derivada da madeira é a matéria prima original para a produção. Mas a importância da reciclagem vai muito mais além.

Da proteção das florestas à redução do aquecimento global, o uso de papel reciclado é essencial para a sustentabilidade. Conforme a demanda por papel aumentou ao longo do tempo, mais madeira foi necessária, mais árvores foram derrubadas. Em alguns casos isso significou a perda de valiosos habitats e ecossistemas de vida selvagem, à medida que florestas antigas foram substituídas por plantações de crescimento rápido. A falta de diversidade de espécies de árvores em florestas têm um impacto direto na biodiversidade.

 

COMO O PAPEL É FEITO

 

O papel é feito de árvores, geralmente pinheiros, com fibras mais longas, mais resistentes e que oferecem baixo custo na produção. Ou de eucaliptos, que crescem em menor tempo, otimizando também o tempo de produção do papel. A madeira bruta é transformada em polpa, uma mistura de fibras de celulose de madeira, água, e produtos químicos que são utilizados durante o processo. A polpa é então pulverizada sobre telas de malha em movimento para formar uma esteira em camadas. Essa manta de polpa passa por vários processos para remover a água e secar. Por fim, tudo é passado por rolos aquecidos para espremer a água restante e comprimi-la em um rolo contínuo de papel. Em seguida, está pronto para ser colorido ou tratado.

 

COMO O PAPEL É RECICLADO?

 

Depois de coletados, os resíduos de papel são encaminhados a um centro de reciclagem, onde são colocados em um tanque contendo vários produtos químicos que separam as fibras. Essas fibras são processadas para remover coisas como grampos, clipes de papel, fita adesiva, etc. As fibras então são colocadas em um tanque onde são limpas e a tinta removida – isso tem que ser feito várias vezes e as fibras ficam mais brancas. Agentes de branqueamento então adicionados e a polpa é processada por rolos para remover a maior parte da água. Em seguida, segue a seção de secagem, quando a polpa passa pelos rolos aquecedores, para que o papel fique mais liso. Este é então seco e está pronto para ser reutilizado.

 

QUANTAS VEZES O MESMO PAPEL PODE SER RECICLADO?

 

A reciclagem de papel tem limites. Cada vez que o papel é reciclado, a fibra fica mais curta, mais fraca e mais quebradiça. Em geral, o papel pode ser reciclado até sete vezes antes de ser descartado.

 

TIPOS DE PAPÉIS RECICLADOS

 

De uma forma geral, existem os papéis que podem ser reciclados e os papéis que não podem ser reciclados:

 

Papéis recicláveis: papéis de jornais ou revistas, envelopes, cartolinas, cartazes, cadernos, sulfite, envelopes, papéis utilizados para impressões ou cópias em geral, livros e apostilas, papelão, cartolina, cartão, caixas Tetra Pak (longa vida), entre outros

Papéis não recicláveis: papéis utilizados para higiene (papel higiênico e guardanapos engordurados), papéis metalizados (utilizados para embalagens de salgadinhos e biscoitos), fotografias, papéis laminados, vegetal, celofane, carbono, adesivos, fita crepe, papel vegetal, papel de caixa eletrônico e de fax, entre outros.

 

QUAIS SÃO OS BENEFÍCIOS DA RECICLAGEM?

 

O papel produzido a partir de matéria-prima virgem, ou seja, das árvores, usa muito mais energia e água do que se fosse fabricado com papel reciclado. Se o papel for enviado para aterros, eles apodrecem e, no processo, emite metano, um poderoso gás de efeito estufa.

São muitos os benefícios da reciclagem, desde impactos ambientais positivos até o estímulo à economia. A reciclagem ajuda a criar empregos nas indústrias de reciclagem e estimula a economia da região.

A reciclagem também traz benefícios ambientais, como a redução de resíduos que são enviados para aterros sanitários e incineradores, reduzindo, portanto, as emissões prejudiciais de gases que contribuem para as mudanças climáticas e o aquecimento global. Também conserva importantes recursos naturais, evita a propagação da poluição e economiza energia.

 

ENTRE OUTROS BENEFÍCIOS EM RECICLAR PAPEL, PODEMOS CITAR:

 

Economia de energia: O papel produzido a partir de papel reciclado representa uma economia de energia de 70% em comparação com a energia necessária para produzir papel de madeira ou fibras virgens.

Redução da matéria-prima consumida (árvores derrubadas): Para cada tonelada de papel reciclado, economiza-se em madeira o equivalente a entre 12 e 17 árvores.

Economizando recursos: Com a reciclagem a indústria de papel poderia ser abastecida com quase 70% dos recursos de que necessita.

Economia de água: a reciclagem de papel economiza 80% de água em comparação com a produção de fibra virgem.

Melhoria da qualidade do ar e da água: a reciclagem de papel constitui uma redução de 74% nas emissões de gases e uma redução de 35% nas emissões poluentes da água.

COMO VOCÊ PODE AJUDAR?

A lógica é simples: quanto mais papel é reciclado, menos madeira é usada para a produção de papel, ou seja, um número menor de árvores é derrubada. 

No Brasil, apenas 37% do papel produzido vai para a reciclagem, sendo que 80% é destinado para a confecção de embalagens, 18% para papéis sanitários e somente 2% para impressão.

Para colaborar é mais simples ainda. Basta separar o papel e descartá-lo na lixeira dos recicláveis. Os recicladores se encarregarão de realizar todos o processo de reaproveitamento do material.

Ao considerar um novo papel para compra, a melhor maneira de ajudar é primeiro pensar nos “3 Rs” – reduzir, reutilizar e reciclar. Certifique-se de que você realmente precisa deste produto e, se precisar, procure pelos feitos com conteúdo reciclado. 

 

Reciclar papel, portanto, é uma obrigação, e todos podemos colaborar. Abra seu app AMA, envie uma foto ou vídeo para mostrar como você lida com o descarte do papel na sua casa. Veja as tarefas que tem para hoje no app e responda as pesquisas para acumular pontos e ganhar brindes especiais. 

Vamos nessa juntos ajudar a salvar o planeta?

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *